2.11.09

hoje

não adianta reclamar, espernear...
a saudade é como uma mão cruel que aperta tudo que de vivo existe. 
e permanece. 
o jeito é conformar-se com a presença dessa dor aguda e esperar. 

ainda que seja doloroso viver nessa angústia, a lembrança dos dias que estão por vir serve como consolo sustentando um sorriso oscilante, frágil, mas genuíno.

...

6 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. mulher de Deus cadê esse cd que não sai?
    grava logo por favor

    ResponderExcluir
  3. oi Laura!!! Gosto muuiito de vc tá...
    minha cantoraa preferida...bjão
    ty amu muiiito...

    ResponderExcluir
  4. HUMMMMM......DINHOOOO!!RSRSRS..MAS EH ASSIM QUE ME SINTO EM RELAÇÃO AO 411!!!LOVE U

    ResponderExcluir
  5. lauraa.... saudades do Dinho ou de mim? (ciumes....) falei!

    i love u... (BF)

    ResponderExcluir
  6. Post lindo...palavras penetrantes...

    ResponderExcluir