25.6.14

resquícios de noiva

aqui e ali, vou encontrando coisas pequenas, mas que me dão uma saudade grande (que passa rápido...rs!) de ser noiva.

uma vez na vida, e depois, a gente olha e relembra :)


do nosso lar...


tão bom ver o quebra-cabeça se completando aos pouquinhos :) :) :)

24.6.14

arte das terças: johannes vermeer

muitas terças depois, e o "arte das terças" está de volta.

em 2012, fiz um relato sobre minha visita ao museu do louvre. nele, falei rapidamente sobre minha passagem pela ala das pinturas holandesas.

pois bem! minha maior curiosidade em ir ao louvre sempre se deu devido a vontade de ver ao vivo as pinturas de johannes vermeer, que é o nosso pintor de hoje.

foi um artista holandês do século 17, e por séculos, intrigou a crítica e o público interessado em arte pela luminosidade incomum que suas pinturas têm. essa é uma característica que se repete invariavelmente em sua obra.

outro traço intrigante é a quantidade de detalhes e de cores que geralmente o olho humano não pode perceber! tudo isso, ele conseguia incluir em suas telas. nenhum de seus contemporâneos conseguiu reproduzir essa riqueza de detalhes e matizes, que faz com que os quadros de vermeer pareçam imagens fotográficas.

eis aqui algumas de suas obras mais famosas:

girl with a red hat

os próximos dois estão no louvre, e foram os que eu vi quando fui :)

the lacemaker

the astronomer
the music lesson

women with a water jug

e o mais famoso de todos (tem até filme sobre esse, que diga-se de passagem, é ma-ra-vi-lho-so!):

girl with a pearl earing

quando cheguei ao museu do louvre, passei pela monalisa. mas tinha tanta, tanta gente, que fui procurar refúgio na ala das pinturas holandesas, onde vermeer reina! :) 

essas foram as fotos que eu tirei dos quadros dele expostos lá.
são bem pequenos (isso foi decepcionante), mas realmente a luz que ele conseguia trazer para as suas telas é impressionante!!!!




a verdade é que há tempos, estudiosos desconfiam que vermeer era um intelectual, que se utilizou da mais avançada tecnologia da época para aprimorar sua técnica. o que sempre se soube, é que ele usava a camera obscura, que seria um ancestral da câmera fotográfica que temos hoje. há livros e estudos publicados sobre o assunto.

mas um inventor sagaz chamado tim jenison foi mais a fundo, e resolveu ir `as últimas consequências para descobrir a técnica que vermeer usava!!! essa jornada começou em 2008 e durou 5 anos, transformando-se num filme chamado "tim's vermeer", lançado semana passada :)

tive a alegria de assisti-lo anteontem (meu pai comprou e assistimos juntos), e fiquei absolutamente embasbacada com a inteligência desse inventor!!! no filme, ele alega que vermeer não usava somente a camera obscura, mas usava uma combinação de lentes, luz e espelhos para conseguir pintar tão perfeitamente quanto uma imagem fotografada! para provar isso, tim jenison reproduziu fisicamente o cenário do quadro "the music lesson", e mesmo sem ser pintor, se propôs a pintar o mesmo quadro usando essa técnica!!!! e CONSEGUIU!!!!!!!! é impressionante!!!!!!

vale MUITO a pena assistir!!!

eis aqui o trailer :)



o ponto de tudo isso é provar que a tecnologia e arte não são rotas opostas, e podem sim, andar de mãos dadas, se o objetivo é atingir o melhor resultado possível!

e palmas pra johannes vermeer, que no século 17, conseguiu desenvolver uma tecnologia de pintura que consagrou sua obra, diferenciando-o de tudo o que existia em seu tempo! :)

uma saudade "matada"...


a semana passada foi uma das mais cansativas dos últimos tempos.
mas nela, matei a saudade de cuidar, e de ensinar crianças.

quando acabou a semana, senti um aperto no coração, e uma saudade precoce.

e então, eu soube que esse amor vai me acompanhar pra sempre, por onde eu for...

sobre a copa...


casei com um fanático por futebol.
pra mim, é uma novidade lidar com essa relação homem-futebol, porque na minha família imediata, os homens pouco se interessam por essa arte; uma manchete sobre os resultados lhes é o suficiente.

nesses últimos dias, aprendi quem é o bom cabeceador da holanda, sei qual jogador chileno corre mais rápido e quais são os jogadores da alemanha...

os jogos têm se tornado um motivo pros brasileiros da área se juntarem e torcerem (apesar de a maioria substituir as antigas queixas `a política por queixas `a seleção que foi escolhida pelo felipão...)!

de qualquer maneira, eu grito muito.
e faço comentários bem femininos, que os homens geralmente não gostam...rs!

mas meu coração pulsa junto com o povo brasileiro.
e é tão bom ver esse povo sendo patriota!
pelo menos de 4 em 4 anos...

:)

28.2.14

o mundo da música chora por vc, paco...


pude assisti-lo em 2012....
e esses dias, ele se foi.

que semana triste!

fica aí, a minha lembrança em vídeo... um vídeo tremido e ruim, e uma música que nunca mais existirá...

video


12.2.14

pra quinta


faz tempo que não assisto um concerto, daquele jeito que eu tanto fiz...
pois quinta, assisto anne-sophie mutter.
que presente ouvir seu violino impecável na noite de véspera de dia dos namorados no hemisfério-norte!

um email perdido, quase fadado ao lixo me alertou sobre a presença da violinista por aqui.
e o grande sinal de desconto no preço foi alerta maior...

com as boas mudanças, esse é um hábito que tanto gosto, pra manter pela vida.

quinta será um dia ainda mais feliz, se é que isso é possível :)


bonito



a beleza pode nos passar pelos olhos, enchê-los de vida;
se não há nada de belo por antes destes, é morte que reina quando a beleza se vai.
mais bonito que a própria beleza é a arte de fazê-la perene, em alguém, naquilo, nisso.

beleza por si não adianta nada...
ela vem e vai.
a vida mais vivida é quem melhor apresenta essa tristeza de verdade.

nem tanto a beleza de traços, de olhos, daquelas que desenhista gosta.
mas de cores, de ares, instantes...

nada mais lindo que ver a beleza passar... e ser tudo ainda tão bonito.


25.1.14

paredes vestidas


mesmo antes de casar, eu já sabia que queria quadros na minha nova casa.

da lua-de-mel, eu trouxe chocolates, canecas, livros sem linha, caneta tinteiro e quadros... (e meu marido é um santo...rs!).
claro que não foram só telas, porque não caberiam nas malas.
mas aquarelas, posters, retratos...

a arte é infinita.
queria que minhas paredes também fossem... :)

das coisas que nos inspiram a viver mais e melhor

título longo.

numa dessas manhãs passadas, acordei e percebi no twitter um "parabéns" do perfil do @SteinwayAndSons ao documentário "the lady in number 6" pela indicação ao oscar.

fui ler a respeito, e sinceramente, uma das coisas mais inspiradoras que já vi nos últimos tempos.

trata-se de um retrato da pianista mais velha do mundo, e também a mais velha sobrevivente do holocausto.

109 anos, e nesse trailer, toca a invenção a 2 vozes de bach n.8 com uma destreza incrível... faz até o toque que é típico do barroco.

ela também é só sorrisos. 
e reclama que todos a sua volta são tão sérios...

que inspiração.
que inspiração...


da semana

minha casa nova ainda não tem piano.
nesse sábado a noite, fiz uma visitinha aos meus pais, e lá estava meu ex-yamaha.

ah, a vida com piano...

20.1.14

claudio abbado


morreu hoje aos 80 anos, o famosíssimo maestro italiano, que regeu a orquestra filarmônica de berlim (considerada a melhor do mundo) de 1990-2002! conhecido pela música refinada que produzia e seu vasto repertório sinfônico...

eu não tinha um sentimento forte sobre sua pessoa, mas reconheço sua competência musical e importância no mundo erudito...

aqui um artigo falando sobre sua morte, e abaixo, um vídeo de uma performance completa do requiem de mozart, que foi apresentado em salzburg em memória de 10 anos da morte do seu maestro antecessor e mentor na orquestra filarmônica de berlim: hebert von karayan (esse foi mais mito ainda, e muito mau também...rs)!

sugestão: assita a partir do minuto 0:45, que é o começo do benedictus, com um quarteto MA-RA-VI-LHO-SO! irretocável... e a regência emocionada de abbado no final é linda de assistir também!

novo ano, nova vida

o ano começou dia 1;
casei dia 2;
voltei da lua-de-mel dia 16;

e a vida segue... na melhor e mais completa forma que possa existir.
o blog também segue.

aqui, recomeço um ano de palavras e de músicas...

feliz ano novo :)